Botafogo vence o Olimpia e fica a um empate da fase de grupos da Libertadores

 Botafogo deu um importante passo na luta por uma vaga na fase de grupos da Libertadores. Jogando no Estádio Nilton Santos (Engenhão), o time de Jair Ventura fez o dever de casa: vitória por 1 a 0 sobre o Olimpia (PAR), no primeiro duelo pela terceira fase preliminar do torneio continental. O responsável pelo tento da vitória foi Rodrigo Pimpão, com um golaço de bicicleta.
O último desafio botafoguense antes da fase de grupos será na próxima quarta-feira (22), no Paraguai. Lá, o time de Jair Ventura jogará por um empate para avançar no torneio continental. Caso seja derrotado por um gol de diferença, mas tenha balançado as redes ao menos uma vez, o Botafogo estará classificado. O Olimpia somente avançará com um triunfo por dois ou mais gols de diferença – 1 a 0 para os paraguaios levará o duelo para os pênaltis.
Pimpão abre o placar com golaço
Silvia Izquierdo/AP
No momento em que a partida se mostrava aberta e equilibrada, Rodrigo Pimpão apareceu para dar tranquilidade ao Botafogo. Aos 36 minutos da primeira etapa, Jonas cobrou lateram em direção à área, Roger não alcançou e Pimpão mandou de bicicleta para o fundo do gol de Azcona. Um golaço.
Helton Leite aparece quando exigido
As lesões no Botafogo atingiram também o goleiro Gatito Fernández. Com um desconforto na coxa, o paraguaio deu lugar a Helton Leite. E o arqueiro reserva não decepcionou quando foi acionado. Aos 18 minutos do segundo tempo, Roque Santa Cruz cruzou, a zaga bateu cabeça e Montenegro chutou para a boa defesa de Helton Leite.
Montillo aguenta menos de 15 minutos
REUTERS/Ricardo Moraes
O esforço de Montillo para ajudar o Botafogo durou somente 13 minutos. Depois de iniciar a partida como titular, o argentino desabou no gramado com dores e foi substituído por João Paulo. Ele sofre com uma lesão na coxa direita, sofrida na última semana, durante a partida contra o Colo-Colo, no Chile, também pela Libertadores.

Botafogo é recebido com mosaico de 18 mil peças e escudo 3D: "minha vida"
A torcida do Botafogo preparou uma bonita festa para recepcionar os atletas na entrada em campo. Um mosaico com 18 mil peças com as cores da equipe foi montado com os dizeres: "minha vida". No meio, uma bandeira do escudo do Alvinegro foi erguida para delírios dos torcedores no Estádio Nilton Santos (Engenhão).
Prefeito do Rio faz cerimônia e oficializa Engenhão como Nilton Santos
O Botafogo já o chama assim desde 2015. Desde a segunda-feira (13), a Prefeitura do Rio já havia decretado a mudança. Mas foi nesta quarta, que uma cerimônia com o prefeito Marcelo Crivella oficializou a homenagem. A casa do Alvinegro, agora, é Estádio Nilton Santos, e não mais Estádio Olímpico João Havelange.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

San José busca empate com Oriente Petrolero e divide a liderança com o Bolívar

Benede supera Fucsovics e pega Raonic nas oitavas em Istambul