Roma goleia Sampdoria por 4 a 0 vai às quartas de finais da Copa da Itália

A Roma não teve muito trabalho para avançar na Copa da Itália, nesta quinta-feira. No estádio Olímpico, na capital italiana, a equipe bateu a Sampdoria por 4 a 0 e foi às quartas de final da competição. Destaque da partida foi El Shaarawy, que, além de marcar um belo gol, participou de outros dois. Agora, a equipe enfrenta o Cesena, também em partida única.

"Faraó" El Shaarawy (à esq.) foi o destaque da partida (Foto: Divulgação/Roma)

O jogo – O primeiro tempo foi bastante movimentado. Logo aos dois minutos, a Sampdoria quase abriu o marcador. Muriel invadiu a área e bateu na saída do goleiro brasileiro Alisson, mas a bola explodiu na trave. Após o susto, a Roma acordou e começou a tomar as rédeas da partida.
Sem conseguir infiltrar na zaga adversária, a Roma começou a apostar nos lançamentos e chutes de longe. E esta foi a principal arma da equipe no jogo. A primeira boa chance do time veio aos 25 minutos, quando Paredes recebeu belo passe de De Rossi, na entrada da área, e soltou uma bomba no travessão. El Shaarawy, pouco depois, girou sobre a marcação e obrigou o goleiro da Sampdoria a fazer boa defesa.
De tanto tentar, o gol veio. Faltando seis minutos para o intervalo, El Shaarawy tentou uma tabela e a zaga interveio. No rebote, sem deixar a bola pingar, Nainggolan pegou em cheio e fez um bonito gol de fora da área. O lance deu moral, e por pouco a Roma não ampliou a vantagem antes de ir ao vestiário.
No segundo tempo, a equipe da capital italiana não diminuiu o ritmo e voltou justamente como terminou o primeiro: forte na marcação, com ligações rápidas e dando trabalho ao goleiro adversário. Não à toa, bastaram dois minutos para Dzeko receber livre entre os zagueiros e marcar o seu – de novo com participação de El Shaarawy.
Para coroar sua atuação, o “Faraó” recebeu lançamento pela esquerda, passou pelo zagueiro e tocou, de maneira sútil, por cima de Puggioni. O goleiro ainda tocou na bola, mas não foi o suficiente para impedir mais um golaço na partida. Era 15 minutos da etapa final e já se tinha definido o classificado.
Com o jogo resolvido, o técnico da Roma, Luciano Spalletti, aproveitou para rodar o elenco. O primeiro a entrar foi Totti, no lugar de Dzeko. El Shaarawy, destaque da partida, saiu aplaudido para a entrada de Perotti. Por fim, Emerson substituiu Rui.
Perto do fim, Nainggolan ainda teve tempo para marcar seu segundo gol, o quarto da Roma. Perotti fez bela jogada pela esquerda, driblou o defensor e cruzou na cabeça do belga, que tocou na bola antes do goleiro.

Comentários

Postagens mais visitadas