Benneteau derrota Clezar e vai à 3ª rodada do quali do Astralian Open

O gaúcho Guilherme Clezar foi derrotado nesta sexta-feira na segunda rodada do quali do Australian Open. Seu algoz foi o experiente francês Julien Benneteau, atual 138 do mundo, mas que já foi o 25º, que marcou parciais de 7/5 e 6/0 sobre o brasileiro, em apenas 66 minutos.

A disputa do primeiro set foi apertada e definida com apenas uma quebra de diferença para o francês. Só que na segunda parcial, Clezar foi muito mal com o seque, venceu apenas 25% dos pontos, foi quebrado três vezes e viu a eliminação chegar com um "pneu" de Benneteau. 

Na última rodada, o francês de 35 anos e cabeça de chave 26 no quali terá pela frente o vencedor da partida envolvendo o australiano Alex Bolt, de 23 anos, e o alemão Matthias Bachinger. Quem vencer vai garantir a vaga na chave principal do primeiro Grand Slam da temporada.

Com a eliminação de Clezar, o único representante nacional restou em Melbourne é o gaúcho André Ghem, que na primeira rodada derrubou o compatriota João "Feijão" Souza. Ele precisa de apenas uma vitória para disputar seu primeiro Slam da carreira e o oponente será o italiano Thomas Fabbiano, cabeça de chave 31. 

Será a primeira vez que Ghem e Fabbiano irão se enfrentar no circuito. O italiano perdeu as três últimas partidas que fez contra brasileiros, foi derrotado por Rogério Silva na primeira rodada das Olimpíadas, caiu diante de Thomaz Bellucci nas oitavas de Shenzhen (ambas no ano passado) e perdeu para Thiago Monteiro no quali de Sydney.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Benede supera Fucsovics e pega Raonic nas oitavas em Istambul

Carreño supera Robredo e faz quartas em Estoril

Raonic derrota Bedene na estreia em Istambul