Nadal supera Thiem e conquista o Masters de Monte Carlo

  Mais uma vez o espanhol Rafael Nadal brilhou no saibro, mostrando por que é considerado o "rei" deste piso. Uma semana após se tornar o primeiro deca-campeão, no Masters 1000 de Monte Carlo, ele repetiu o feito no ATP 500 de Barcelona, onde chegou à 10ª conquista neste domingo.

O rival na decisão foi o austríaco Dominic Thiem, que fez frente ao canhoto de Mallorca por um set, mas não manteve o ritmo até o fim e acabou derrotado com parciais de 6/4 e 6/1, em uma hora e meia de confronto. Esta foi a terceira vez que Nadal derrubou o rival de 23 anos em quatro encontros. 

Em sua décima final da carreira em Barcelona, Nadal se manteve invicto nas decisões catalãs e deu seu segundo passo para marcar história no saibro. Ele pode chegar a três deca-campeonatos em um mesmo ano, faltando agora apenas alcançar o feito em Roland Garros.

A partida teve duas parciais distintas, bem equilibrada na primeira e com domínio do atleta da casa na segundas. Logo no primeiro game Nadal teve que mostrar força para salvar um break-point. No sexto foi a vez de Thiem fazer a sua parte e escapar duas vezes de levar uma quebra. 

Só que ao sacar pressionado em 4/5, o austríaco falhou em um momento crucial. Com dois erros não forçados seguidos de backhand, ele acabou levando a quebra e perdeu o primeiro set, deixando Nadal cada vez mais próximo de fazer história também em Barcelona.

No segundo set, o espanhol pressionou Thiem desde o início, teve três breaks logo no segundo game, mas não aproveitou um sequer. Só que depois disso Nadal conseguiu duas quebras e abriu confortável vantagem de 5/1 e saque. Bastou mais uma confirmação de serviço para que ele pudesse comemorar o titulo no saibro catalão mais uma vez.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

San José busca empate com Oriente Petrolero e divide a liderança com o Bolívar

Benede supera Fucsovics e pega Raonic nas oitavas em Istambul

Carreño supera Robredo e faz quartas em Estoril