22/01/2017

Zverev supera Murray e pega Federer nas quartas em Melbourne

No último dia da primeira semana do Australian Open, uma nova grande zebra pintou no torneio. Depois da eliminação do sérvio Novak Djokovic ainda na segunda rodada, neste domingo foi a vez do britânico Andy Murray parar nas oitavas de final, sendo surpreendido pelo alemão Mischa Zverev em duelo de quatro sets e placar final de 7/5, 5/7, 6/2 e 6/4.

Zverev espera agora pelo vencedor da partida envolvendo o suíço Roger Federer e o japonês Kei Nishikori. O germânico perdeu as duas partidas que fez contra o ex- número 1 do mundo, uma em 2009 e a última em 2013. Já contra o nipônico o duelo será inédito.

Cinco vezes vice-campeão em Melbourne, o número 1 do mundo tentava erguer a taça pela primeira vez, mas não será em 2017 que isso acontecerá. Quadrifinalista nos últimos sete anos, Murray não perdia tão cedo na competição desde 2009, quando foi superado pelo espanhol Fernando Verdasco também nas oitavas de final.

Murray até que não começou mal na partida e chegou a ter 3/1 e saque no primeiro set. Foi então que ele passou a demonstrar que não estava em um dos seus melhores dias, sem conseguir imprimir a consistência que o levou à liderança do ranking. Do outro lado, Zverev não abdicou de seu jogo de saque e voleio, terminando o jogo com 65 pontos em 118 subidas à rede.

A parcial inicial chegou a estar nas mãos de Murray, que teve 5/3 e saque, mas deixou a vantagem escapar e levou a virada. O alemão de 29 anos, irmão mais velho do promissor Alexander Zverev, que foi eliminado no dia anterior pelo espanhol Rafael Nadal, teve uma excelente arrancada final, venceu quatro games seguidos, com duas quebras, e saiu na frente no placar.

O escocês conseguiu responder faturando o segundo set, em que novamente teve seus altos e baixos, só que desta vez os momentos positivos foram superiores e ele empatou o confronto. Zverev não se assuntou com o esboço de ração do rival e seguiu firme, anotou duas quebras na terceira parcial e voltou a liderar.

Tudo ficou mais complicado para o líder do ranking quando ele perdeu o saque logo na abertura do quarto set e precisou correr atrás do enorme prejuízo em que se encontrava. Murray não conseguiu um break-point sequer e a vantagem obtida por Zverev no começo foi o suficiente para ele levar o set e o jogo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

seja o primeiro a comentar

Porto vence Portimorense de virada e avança na Taça de Portugal

Dois gols já nos descontos permitiram hoje ao FC Porto virar o resultado e apurar-se para os oitavos de final da Taça de Portugal em fut...