Olympique de Marselha vence Lyon na prorrogação e avança na Copa da França

O Olympique de Marselha saiu vencedor do grande jogo dos 16 avos de final da Taça de França, ao bater no seu estádio do Velódromo o Olympique de Lyon, por 2-1, após prolongamento.
O 'clássico olímpico', entre o sexto e o quarto do campeonato, não desiludiu e só se resolveu pela margem mínima e perto do fim, com o golo de Doria, aos 109 minutos.

O Marselha foi mais ofensivo durante grande parte do jogo e o Lyon só procurou mais acentuadamente o empate na última meia hora do tempo regulamentar, com a entrada de Fakir.

Destaque, nos marselheses, para o regresso ao clube de Payet, lançado no jogo ao minuto 94, ainda a tempo de festejar o apuramento para os 'oitavos'. Evra, o outro grande reforço desta fase da época, foi titular e saiu lesionado no arranque do segundo tempo.

O primeiro golo do Marselha foi apontado aos 24 minutos pelo central Fanni, de cabeça, numa altura em que os locais já tinham tido uma grande ocasião - o português Rolando, o outro central da equipa, enviara uma bola ao poste aos 17 minutos.

A segunda parte continuou com ascendente do Marselha, mas o Lyon - que continua sem Alexandre Lacazette, lesionado - equilibrou com a entrada de Fakir no jogo, quatro minutos antes de Tolisso empatar.

No prolongamento, o Marselha, finalista derrotado da última edição da Taça, apareceu menos cansado e mais motivado, com o golo de Doria a não ser surpresa.

Para os marselheses, fica ainda a 'vingança' da derrota por 3-1 em Lyon, há nove dias, para o campeonato.

Comentários

Postagens mais visitadas