10/12/2016

Mogi das Cruzes vence Basquete Cearense e segue invicto no Hugão

O Mogi das Cruzes se despediu de sua torcida em 2016 em grande estilo. Jogando no ginásio Professor Hugo Ramos pela última vez neste ano, o time do técnico Guerrinha teve grande atuação no segundo quarto, segurou a reação do Basquete Cearense no terceiro período e venceu por 92 a 75, na noite deste sábado, em jogo válido pelo NBB. De quebra, a equipe mogiana ampliou a invencibilidade que tem como mandante nesta temporada: agora são 17 vitórias em 17 jogos disputados em casa desde o início do Campeonato Paulista, em julho.

O cestinha do jogo foi o pivô Caio Torres, do Mogi, que terminou com 21 pontos e ainda pegou sete rebotes. Shamell, com 18 pontos, Filipin (15), Larry Taylor (12) e Jimmy (10) também alcançaram o dígito duplo na pontuação. Pelo lado do Basquete Cearense, destaque para o ala-armador Rashaun, autor de 18 pontos, e os armadores Gustavinho, com 16, e Davi, com 14.
Mogi das Cruzes x Basquete Cearense NBB (Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor)Caio Torres se destacou com 21 pontos e 87,5% de aproveitamento nos arremessos (Foto: Antonio Penedo/Mogi-Helbor)


A vitória foi a quarta do Mogi em cinco jogos neste NBB. A equipe mogiana ocupa a quarta colocação com um aproveitamento de 80%, atrás apenas de Flamengo, Brasília e Vitória. Já o Basquete Cearense sofreu sua quarta derrota em sete partidas e está no décimo lugar com um aproveitamento de 42,9%.

Na próxima terça-feira, às 19h30, o Mogi enfrenta o Brasília, fora de casa. Esse será o primeiro jogo de uma sequência de três que o time fará longe de seu ginásio antes de encerrar 2016. Já o Basquete Cearense volta à quadra pelo NBB na quinta, às 20h30, conta o Franca, no ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza.

O jogo
As equipes começaram a partida com um aproveitamento ruim nos arremessos. Por isso, os primeiros minutos tiveram poucos pontos e muito equilíbrio. Perto da metade do quarto, o técnico Alberto Bial, que já sofria com alguns desfalques, perdeu o ala-armador Duda, com uma lesão no joelho. Na reta final do período, o Mogi até abriu uma diferença de cinco pontos, mas o Basquete Cearense não permitiu que os donos da casa dominassem o jogo e respondeu na sequência. Primeiro com uma cesta de Gustavinho, ídolo do Mogi. No estouro do cronômetro, Davi converteu uma bola de três e deixou tudo igual: 16 a 16.
Mogi das Cruzes x Basquete Cearense NBB (Foto: Cairo Oliveira)Início do jogo foi equilibrado, e primeiro período terminou empatado em 16 a 16 (Foto: Cairo Oliveira)

O Basquete Cearense começou bem o segundo quarto. Logo após mais uma cesta de três de Davi, Guerrinha decidiu pedir tempo. A parada mudou completamente o cenário do confronto, e o Mogi voltou arrasador para a quadra. Firme na defesa e bem no ataque, o time da casa passou a dominar o jogo, contando principalmente com a boa atuação de Shamell, certeiro nas bolas de três pontos, e Caio Torres, praticamente perfeito nos arremessos nesta noite (teve 87,5% de aproveitamento). Sem dar chance ao adversário, o Mogi venceu o segundo período por 33 a 8 e foi para os vestiários com grande folga: 49 a 24.
Apesar do segundo quarto ruim, o Basquete Cearense voltou intenso e disposto a diminuir a diferença aberta pelo Mogi. A equipe de Fortaleza era melhor e, após cinco minutos jogados, vencia o período por 11 a 5. Embora a vantagem do Mogi ainda fosse grande, Guerrinha pediu tempo. O time nordestino continuou superior e, com uma cesta de três de Gruber, diminuiu a diferença para 14 pontos quando restavam 2:48 para o fim do período. Guerrinha novamente parou o jogo. O Basquete Cearense venceu o terceiro quarto por 29 a 19, mas o Mogi se sustentou na frente com certa tranquilidade: 68 a 53.

O início do quarto período foi um verdadeiro show de bolas de três. Foram cinco cestas seguidas dessa forma em menos de dois minutos, duas delas de Filipin, do Mogi. Com o placar praticamente definido, o jogo era franco, com os ataques quase sempre se sobressaindo em relação às defesas. O Mogi, porém, não levou sustos e administrou a vantagem construída até então. Com uma linda jogada que terminou com uma enterrada de Jimmy, o time mogiano confirmou a vitória por 92 a 75.
Mogi das Cruzes x Basquete Cearense NBB (Foto: Cairo Oliveira)Mogi das Cruzes manteve invencibilidade jogando em casa nesta temporada (Foto: Cairo Oliveira)


TIMES E PONTUAÇÕES
Mogi das Cruzes
Titulares: Larry Taylor (12), Shamell (18), Jimmy (10), Tyrone (9) e Caio Torres (21)
Entraram: Fer Calvi (0), Elinho (2), Vithinho (0), Fabrício (5) e Filipin (15)

Basquete Cearense
Titulares: Davi (14), Rashaun (18), Duda (2), Gruber (9) e Toledo (9)
Entraram: Gustavinho (16), Sualisson (0), Felipe (5) e Leal (2)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

seja o primeiro a comentar

Porto vence Portimorense de virada e avança na Taça de Portugal

Dois gols já nos descontos permitiram hoje ao FC Porto virar o resultado e apurar-se para os oitavos de final da Taça de Portugal em fut...