Atalanta vence Roma em casa e encosta no G-3 do Italiano

A Roma foi hoje travada na Série A Italiana de futebol, ao ser derrotada em casa da Atalanta (2-1), numa 13.ª jornada em que a Fiorentina, de Paulo Sousa, goleou na visita ao Empoli (4-0).

Os romanos, que ficaram a sete pontos da líder Juventus e podem ser ultrapassados na vice-liderança pelo AC Milan – joga mais logo o dérbi de Milão, frente ao Inter -, desperdiçaram uma vantagem inicial, concretizado com uma grande penalidade apontada por Diego Perotti, aos 40 minutos.

A Atalanta, que está agora no grupo dos terceiros classificados, a um ponto da Roma, mostrou a razão pela qual já leva uma série de cinco triunfos consecutivos, dominando boa parte do segundo tempo, até à reviravolta.

Aos 62 minutos, Mattia Caldara empatou e, quando o jogo já se encaminhava para o final, a baliza romana sofreu o assédio dos da casa, até o argentino Leandro Paredes cometer falta para grande penalidade e ‘el comandante’, o marfinense Franck Kessié, apontar o segundo, aos 90 minutos.

Quanto à Fiorentina, teve um passeio na visita ao Empoli, com Filippo Bernardeschi (26 e 61 minutos) e o esloveno Josip Ilicić (47, de penálti, e 67) a ‘bisarem’ para o conjunto de Paulo Sousa, que é oitavo classificado.

Por seu lado, a Lazio venceu o Génova, de Miguel Veloso (3-1), de nada valendo aos visitantes aquele que chegou a ser o golo da igualdade, com assistência do médio português para o argentino Lucas Ocampos.

Mais cedo, estiveram em campo Bruno Fernandes, a titular, e Pedro Pereira, que entrou aos 88, e viram a Sampdoria vencer o Sassuolo (3-2), num jogo de grande emoção, com a equipa dos portugueses a marcar três golos nos últimos cinco minutos.

Depois de estar perder por 3-0, a Sampdoria provocou a reviravolta com gols de Fabio Quagliarella (84) e do colombiano Luis Muriel (85 e 90+1, de grande penalidade).

Pelas 20:45 locais (19:45 em Lisboa), disputa-se o dérbi de Milão, no qual o AC Milan pode chegar ao segundo lugar, enquanto o Inter, de João Mário, tenta recuperar posições no meio da tabela, numa época que tem sido ‘desastrosa’.

O campeonato italiano é liderado pela Juventus, que sábado recebe e bateu o Pescara por 3-0 e soma 33 pontos, contra 26 da Roma, 25 do AC Milan (menos um jogo), Lazio e Atalanta e 24 do Nápoles (2-1 em Udine, no sábado).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

San José busca empate com Oriente Petrolero e divide a liderança com o Bolívar

Benede supera Fucsovics e pega Raonic nas oitavas em Istambul