18/05/2017

Atlético-PR vira sobre a Católica e avança às oitavas da Libertadores

A estrela de Paulo Autuori brilhou na noite desta quarta-feira. Pressionado por conta dos recentes resultados e correndo risco de demissão em caso de eliminação, o treinador fez mudanças pontuais e foi o grande responsável pela classificação do Atlético-PR para as oitavas de final da Copa Libertadores. A vaga veio com a vitória sobre a Universidad Católica-CHI, por 3 a 2, no Estádio San Carlos de Apoquindo, pela última rodada do Grupo 4.
O Furacão estava perdendo e sendo eliminado até os 30 minutos do segundo tempo, mas as alterações feitas por Paulo Autuori mudaram tudo. Os três jogadores que saíram do banco de reservas - Eduardo da Silva, Douglas Coutinho e Carlos Alberto - marcaram os gols que deram a vitória ao rubronegro paranaense.

O técnico Paulo Autuori foi o grande responsável pela classificação do Atlético-PR com mudanças pontuais
O técnico Paulo Autuori foi o grande responsável pela classificação do Atlético-PR com mudanças pontuais
Com os mesmos dez pontos que o San Lorenzo-ARG, o Atlético terminou na vice-liderança do Grupo 4 por conta do saldo de gols (-1 contra 0). Enquanto isso, a Universidad Católica estacionou nos cinco pontos e amargou a lanterna, ficando até mesmo da classificação para a Copa Sul-Americana.

FURACÃO BOBEIA
A primeira chance do jogo foi do Atlético logo aos dois minutos. Grafite recebeu dentro da área e na hora da finalização foi travado por Kuscevic. A Universidad Católica apostava demais nas bolas aéreas, mas o sistema defensivo rubronegro é quem levava a melhor. Aos 13, a melhor chance do Furacão.

Pablo dominou dentro da área e ajeitou para Sidcley chegar batendo. A bola desviou na defesa adversária e passou raspando a trave de Toselli. Na sequência, Santiago Silva ganhou na velocidade de Paulo André e bateu por cima. O jogo era bastante equilibrado e concentrado no meio-campo.

Na melhor oportunidade da partida, aos 32, Sidcley fez grande jogada individual, foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro para trás. Nikão bateu de primeira e Toselli defendeu com os pés. Três minutos depois, a Universidad Católica abriu o placar. Após boa troca de passes, Santiago Silva chutou da entrada da área e mandou no cantinho de Weverton.

Aos 42, em falta quase na linha da grande área, Nikão cobrou colocado e a bola passou por cima do travessão de Toselli. Esse foi o último lance de perigo do primeiro tempo.


O atacante Santiago Silva marcou, mas não foi o bastante para classificar a Universidad Católica
O atacante Santiago Silva marcou, mas não foi o bastante para classificar a Universidad Católica
O EMPATE
O Atlético escapou de levar o segundo aos sete minutos do segundo tempo. Após boa troca de passes com Buonanotte, Fuenzalida finalizou, a bola desviou em Paulo André e explodiu no travessão de Weverton, que já estava batido no lance e apenas observou. Precisando do empate, o Furacão dava sinais de nervosismo conforme o tempo ia passando.

Aos 24, Fuenzalida furou e Buonanotte finalizou rasteiro. A bola foi no centro do gol e facilitou a defesa de Weverton. Se classificando para as oitavas, a Universidad Católica priorizou a marcação, chamando o Atlético para cima. E foi assim que o Furacão empatou, aos 30. Carlos Alberto cruzou e Eduardo Silva desviou de cabeça no cantinho do goleiro.

QUE FIM DE JOGO
A Universidad Católica se lançou para cima do Atlético, mas acabou sendo surpreendida aos 37 minutos. Douglas Coutinho aproveitou a zaga aberta e saiu em disparada desde o meio-campo. O atacante invadiu a área e tocou na saída de Toselli. A alegria, porém, durou apenas dois minutos.

Noir recebeu na entrada da área e mandou um foguete no ângulo de Weverton, que nada pôde fazer. A partida ganhou em emoção nos minutos finais, com os dois times se lançando ao ataque. Aos 41, Carlos Alberto recebeu de Jonathan e bateu colocado, fazendo o terceiro do Atlético.

Nos minutos finais, a Universidad Católica teve uma falta na entrada da área, mas tentou uma jogada ensaiada e Carlos Alberto afastou o perigo, garantindo a classificação para as oitavas de final.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

seja o primeiro a comentar

Corinthians derrota Colo Colo nos pênaltis e conquista a Libertadores Feminina

O Corinthians/Audax conquistou na noite deste sábado o título da Copa Libertadores Feminina, realizada em Assunção, no Paraguai. Na grande...