21/05/2017

Atlético de Madrid vence o Athletic Bilbao na despedida do Vicente Calderón

O Atlético de Madrid entrou em campo neste domingo com a terceira colocação do Campeonato Espanhol já garantida e sem pretensões dentro da competição. Mas isso não impediu que os torcedores do clube vivessem um dia muito especial. Afinal, o triunfo por 3 a 1 sobre o Athletic Bilbao marcou a última partida disputada no lendário estádio Vicente Calderón.
Casa do Atlético de Madrid desde 1966, o Vicente Calderón abrigou algumas das maiores glórias e também vexames do tradicional clube espanhol. O estádio, no entanto, será demolido e dará lugar a uma nova arena, mais moderna.
Antes de ser desativado e, posteriormente, demolido, o Vicente Calderón, no entanto, receberá uma última partida oficial, e não do Atlético de Madrid. No próximo sábado, o estádio será a sede da decisão da Copa do Rei, entre Barcelona e Alavés.
Mas para o torcedor atleticano, a despedida foi mesmo neste domingo, e de forma emocionante. Ao fim dos 90 minutos, as arquibancadas seguiam lotadas e ninguém parecia querer deixar o estádio em meio aos aplausos e cantos entoados pela fanática torcida.

Afinal, o domingo também marcava outra despedida significativa para o clube. O volante Tiago, de 36 anos, realizou sua última partida pelo Atlético, após sete temporadas e meia e mais de 200 partidas por lá.

O JOGO
Com a bola rolando, o Atlético não tardou em corresponder à festa das arquibancadas. Com dez minutos, a equipe já estava vencendo por 2 a 0, graças aos gols de Fernando Torres. Na etapa final, Iñaki Williams diminuiu a diferença, mas coube a Ángel Correa, aos 43, marcar o último gol da equipe no Vicente Calderón.

Para o Athletic Bilbao, a derrota gerou um grande prejuízo. Com ela, a equipe parou nos 63 pontos e caiu para a sétima colocação, desempenho que a deixa fora da Liga Europa do ano que vem. Isso porque a Real Sociedad fez sua parte e, em um duelo emocionante com o Celta de Vigo, empatou por 2 a 2, fora de casa, chegando a 64 pontos, em sexto, e se garantindo no torneio continental.
Mas o jogo não foi nada fácil para os visitantes, que saíram atrás no placar graças ao gol de Iago Aspas, de pênalti, no início do segundo tempo. Oyarzabal, aos 36, empatou, mas Hjulsager, já nos acréscimos, marcou o segundo do Celta. A derrota parecia selada, só que logo depois, Juanmi deixou tudo igual novamente e garantiu a vaga à Real Sociedad.
OUTRA PARTIDA DA RODADA
Na outra partida já encerrada do dia pelo Espanhol, o Villarreal derrotou o Valencia fora de casa, por 3 a 1, e também se garantiu na Liga Europa, em quinto, com 67 pontos. Soldado, Trigueros e Sansone marcaram para os visitantes, enquanto Nani fez o de honra do time da casa, que terminou em 12.º, com 46 pontos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

seja o primeiro a comentar

Corinthians derrota Colo Colo nos pênaltis e conquista a Libertadores Feminina

O Corinthians/Audax conquistou na noite deste sábado o título da Copa Libertadores Feminina, realizada em Assunção, no Paraguai. Na grande...