Tottenham vence Arsenal e segue à caça do líder Chelsea

O Tottenham manteve-se hoje na perseguição ao Chelsea, do qual está a quatro pontos, a quatro jornadas do final da liga inglesa de futebol, ao vencer em casa o Arsenal, por 2-0.

Num dérbi londrino, os ‘spurs’ mostraram, uma vez mais, serem implacáveis no White Hart Lane, onde esta época em toda a Liga apenas consentiram dois empates, com o Liverpool (1-1) e com o Leicester (1-1), somando 16 triunfos.

Desde 29 de outubro que a equipa de Mauricio Pochettino só sabe vencer em casa e hoje a ‘vítima’ foi o Arsenal, de Arséne Wenger, um adversário que continua a demonstrar, época após época, uma inconstância pouco condizente com um ‘grande’.

Dele Alli, aos 55 minutos, num lance em que a defesa do Arsenal é incapaz de travar Eriksen, e Harry Kane, aos 58, garantiram o triunfo para o Tottenham, que segue no segundo lugar, a quatro pontos do Chelsea, e mais 11 do que Liverpool (3.º) e Manchester City (4.º).

O Arsenal é sexto, com 60 pontos, a seis do City, no quarto lugar, o último que dá o acesso à qualificação para a Liga dos Campeões.

Também hoje, o Chelsea deu mais um passo firme rumo ao título, ao vencer por claros 3-0 na visita ao difícil campo do Everton, em jogo da 35.ª jornada da Liga inglesa de futebol.

A formação de Liverpool, treinada por Ronald Koeman, não perdia em casa desde 07 de janeiro, com o Leicester (2-1), e acumulava sete triunfos caseiros desde então, prevendo-se que hoje os ‘blues’ teriam uma tarde difícil.

Foi o caso, mas apenas até aos 66 minutos, quando Pedro, fora de área, fez o 1-0, com um remate forte e colocado. Cahill, com um desvio ao primeiro poste, na marcação de um livre, aos 79 (2-0), e Willian, aos 86 (3-0), deram serenidade ao Chelsea.

Na terceira posição, pontualmente a distantes 15 pontos, segue o Liverpool, que na segunda-feira visita o Watford, enquanto as equipas de Manchester, o City de Guardiola, e o United, de José Mourinho, tiveram hoje jogos ‘pobres’ na 35.ª ronda.

O City, quarto, com os mesmos 66 pontos do Liverpool, não conseguiu mais do que um empate fora a 2-2 com o ‘aflito’ Middlesbrough, e o United, quinto, com 65, empatou a 1-1 em Old Trafford com um Swansea, igualmente em zona de descida.

Os empates dos dois ‘aflitos’ acabam por ser menos positivos para o Hull City, de Marco Silva, que no sábado arrancou um ponto em casa do Southampton (0-0), e tem mais dois pontos do que o Swansea e seis do que o Middlesbrough, na fuga à descida.

De ‘malas aviadas’ para o ‘Championship’ (segunda divisão) está o Sunderland, cuja descida ficou confirmada no sábado, com a derrota em casa diante do Bournemouth (1-0).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

San José busca empate com Oriente Petrolero e divide a liderança com o Bolívar

Benede supera Fucsovics e pega Raonic nas oitavas em Istambul

Carreño supera Robredo e faz quartas em Estoril