Fluminense busca empate com Brasil-RS e avança na Copa da Primeira Liga

Foi uma das classificações mais inusitadas da história do futebol, mas o Fluminense conseguiu a última vaga nas quartas de final da Primeira Liga. Com o empate por 1 a 1 com o Brasil de Pelotas nesta quarta-feira, no estádio Los Larios, em Duque de Caxias, o time de Abel Braga avançou por ter levado um cartão vermelho a menos que o adversário do Grupo A.

Os dois times empataram em quatro pontos, uma vitória, saldo de gols de zero, quatro gols marcados e outros quatro sofridos, por isso, o regulamento prevê que o próximo critério de desempate é o de menor número de cartões vermelhos. Como o clube gaúcho teve Eduardo Martini expulso na derrota por 2 a 1 para o Internacional, terminou na terceira posição, com os cariocas à sua frente.
Os confrontos das quartas de final serão conhecidos por sorteio, ainda sem data para acontecer. De qualquer forma, a competição só segue a partir de agosto.

O JOGO
O Fluminense começou a partida dando mostras de pressionaria o Brasil de Pelotas. Logo aos seis minutos, Danielzinho lançou Marquinhos Calazans, que levantou para dentro da área. Eduardo Martini não conseguiu afastar e Marcos Júnior desviou na trave. O lance, porém, já estava parado por flagra de impedimento do atacante.

Na primeira vez que foi ao ataque, o time gaúcho conseguiu o seu gol. Aos 20 minutos, Nem levantou o escanteio e a defesa do Fluminense não conseguiu afastar. Na sobra, Juninho, bem posicionado, chutou para o fundo das redes.
Com o placar adverso, o clube carioca foi para o tudo ou nada, mas Eduardo Martini estava em um dia inspirado. Aos 33 minutos, Henrique Dourado roubou a bola do adversário e invadiu a área. O passe chegou até Marcos Júnior, que chutou forte, mas parou na boa defesa do camisa 1 do Brasil.

VEIO O EMPATE
O segundo tempo foi mais animador para a torcida da casa. Logo aos quatro minutos, Maranhão, que acabara de entrar, invadiu a área do Brasil e cruzou com precisão para Danielzinho. O jovem meia cabeceou sem qualquer chance de intervenção para Eduardo Martini.

A pressão do clube carioca continuou. Aos 17 minutos, Marcos Júnior recebeu o passe de Danielzinho, de frente para o goleiro e finalizou bem, mas a bola foi ao lado, tirando tinta da trave.

O Brasil de Pelotas teve um gol bem anulado aos 31 minutos. Éder Sciola encontrou Bruno Lopes livre dentro da área e o atacante não desperdiçou, mas o camisa 11 estava à frente do penúltimo defensor.

PRÓXIMOS JOGOS
O Fluminense volta a campo no próximo domingo, às 16 horas, para enfrentar o Flamengo pelo primeiro jogo da final do Campeonato Carioca, no Maracanã, no Rio de Janeiro. Já o Brasil de Pelotas atuará apenas no dia 12 de maio, às 20h30 visitando o Guarani no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Comentários

Postagens mais visitadas