Barcelona goleia Granada fora e segue à caça do líder Real Madrid

O Barcelona segue sua caça ao Real Madrid. Na tarde deste domingo, mesmo sem o suspenso Lionel Messi, a equipe catalã venceu o Granada fora de casa, por 4 a 1, com uma atuação inspirada de Luis Suárez e gol histórico de Neymar, e manteve a distância de dois pontos para a liderança do Campeonato Espanhol. 

Com Neymar e 1º lugar caseiro, revista inglesa lista os dez principais candidatos a 'maior transferência da história'

O atacante uruguaio fez as vezes do companheiro argentino e assumiu o protagonismo no ataque do Barcelona. Foi ele quem abriu o placar aos 44 minutos de jogo e deu assistência para que Paco Alcácer fizesse 2 a 1, aos 19 da etapa complementar, depois de Jeremie Boga ter empatado. No fim, quando o Granada já tinha um homem a menos, um gol contra e outro de Neymar fecharam a contagem.

Mais do que definir o marcador, porém, o tento foi histórico para Neymar, por ser seu 100º com a camisa do Barcelona. O brasileiro entrou, assim, para um seleto grupo de apenas três jogadores do país que atingiram a marca centenária no clube espanhol: ele, Evaristo de Macedo e Rivaldo.

O goleiro mexicano Ochoa até tentou atrapalhar a festa, principalmente diante de Suárez. Aos 26 minutos de jogo, foram duas defesas seguidas, primeiro em chute de fora da área, depois em lance quase na pequena área. Já aos 33, o uruguaio bateu da marca do pênalti, mas o goleiro defendeu mais uma vez.

Pouco antes, o Barcelona até havia conseguido balançar a rede, mas Neymar estava impedido. O brasileiro aproveitou a sobra do que seria um golaço de Suárez, em bola na trave, mas, de fato, estava adiantado.

O gol veio, enfim, na última jogada da etapa inicial, quando Suárez recebeu de Jordi Alba e finalizou com a categoria habitual, por cobertura, sem defesa para o goleiro Ochoa.

No segundo tempo, porém, foi o Granada que assustou. Logo aos cinco minutos, Boga, que pertence ao Chelsea e havia acabado de entrar, foi lançado em velocidade por Matthieu Saunier e bateu cruzado na saída de Marc-André ter Stegen, para a festa da torcida local com o empate.

Zé Elias vê Neymar cada vez mais ganhando espaço no Barcelona e não acredita que craque saia
O sofrimento do Barcelona durou 14 minutos, até que Suárez, mais uma vez, mostrou inspiração, desta vez encontrando Paco Alcácer, que bateu firme para vencer o Ochoa - o ex-jogador do Valencia havia começado do banco, mas entrou ainda no início, após lesão do brasileiro Rafinha. Aos 38, um gol contra de Saunier, após chute de Ivan Rakitic, fez 3 a 1; e já aos 45, Neymar deu números finais ao duelo.

Com o resultado, o Barcelona chega a 66 pontos no Espanhol, a dois do líder Real, que foi a 68 com a vitória deste domingo sobre o Alavés. O Granada por sua vez, segue no 19º e penúltimo lugar, com apenas 19 pontos, já a oito de deixar a zona de rebaixamento.

Confira os melhores momentos da vitória por 4 a 1 do Barcelona sobre o Granada
O Barcelona volta a campo pelo Espanhol já nesta quarta-feira, com o retorno de Messi, diante do Sevilla, com transmissão, ao vivo, da ESPN Brasil, às 14h30 (de Brasília).No mesmo dia, o Granada tentará interromper sua sequência de quatro derrotas em visita ao Deportivo La Coruña.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

San José busca empate com Oriente Petrolero e divide a liderança com o Bolívar

Benede supera Fucsovics e pega Raonic nas oitavas em Istambul

Carreño supera Robredo e faz quartas em Estoril