Hull City empata com Everton e deixa a lanterna da Premier League

Hull City e Everton empataram a duas bolas, no jogo inaugural da 19.ª jornada da Liga inglesa de futebol, com os homens da casa a saírem da 20.ª e última posição.

Com este resultado, os comandados de Mike Phelan, que não vencem desde 06 de novembro (vitória por 2-1 sobre o Southampton), ultrapassam o Swansea, que tem menos um jogo, e somam agora 13 pontos, mais um do que os galeses.

O Everton, sétimo classificado, perdeu a oportunidade de se aproximar dos lugares europeus e soma 27 pontos, podendo ser igualado na tabela pelo Southampton.

O jogo começou praticamente com o golo do Hull City, com o ‘capitão’ Dawson a cabecear para o fundo das redes, na sequência de um pontapé de canto, aos seis minutos.

Daí para a frente, e mesmo que os homens da casa tenham procurado criar perigo pelos flancos, foi o Everton a dispor das melhores oportunidades para marcar durante toda a primeira parte.

O golo dos visitantes chegou também num canto, nos descontos, aos 45+1 minutos, quando o guardião dos ‘tigers’ Marshall, numa saída em falso, fez autogolo e repôs a igualdade.

Aos 54 minutos, um livre direto de Snodgrass levou a bola a bater no poste da baliza do Everton. O ‘10’ do Hull City viria a ter nova oportunidade, aos 65, e dessa vez fez mesmo o segundo dos homens da casa.

Nova situação de desvantagem fez ‘acordar’ de novo o Everton, que voltou a dispor de maior domínio do jogo e de mais ocasiões de marcar.

O golo só chegou aos 84 minutos, por Barkley, que respondeu da melhor forma a um cruzamento da esquerda de Baines, estabelecendo o 2-2 final. O Everton, que esteve por cima durante quase todo o jogo, ainda tentou chegar ao terceiro.


Comentários

Postagens mais visitadas