Manchester City vence Crystal Palace e igual o Liverpool na liderança do Inglês

O Manchester City empatou hoje com o Liverpool na liderança do campeonato inglês de futebol, ao vencer no terreno do Crystal Palace por 2-1, com dois gols de Yaya Touré, que se estreou pelo ‘citizens’, na 12.ª jornada.

O meia costa-marfinense, que não atuava desde agosto, devido a problemas com o técnico Pep Guardiola, apareceu com surpresa no ‘onze’ e acabou por ser determinante, com um ‘bis’ aos 39 e 83 minutos.

Pelo meio, aos 66 minutos, Connor Wickham fez o tento dos locais, que se mantiveram com 11 pontos.

Com este triunfo, o Manchester City passou a somar 27 pontos, os mesmos do Liverpool, que ficou a zero no campo do Southampton. Os internacionais portugueses Cedric e José Fonte completaram os 90 minutos pela equipa da casa.

Com o guarda-redes português Mika na bancada, o Sunderland recebeu e bateu o Hull City, por 3-0, com destaque para um ‘bis’ do nigeriano Anichebe, enquanto o Watford venceu em casa por 2-1 o Leicester, adversário do FC Porto na Liga dos Campeões.

Num jogo que ficou resolvido nos primeiros 15 minutos, com o francês Etienne Capoue e o uruguaio Roberto Pereyra marcaram para o Watford, aos 01 e 12, respetivamente, e o Leicester, atual campeão inglês, respondeu com uma grande penalidade do argelino Riyad Mahrez, aos 15.

Esta derrota deixa a equipa do italiano Claudio Ranieri no 14.º posto, dois pontos apenas acima da zona de despromoção.

Destaque ainda para o surpreendente empate (1-1) caseiro do Everton perante o Swansea City, que continua na última posição, e para o triunfo o Bournemouth no campo do Stoke City (1-0).

No arranque da ronda, Manchester United e Arsenal empataram a um golo, num jogo em que a formação comandada por José Mourinho esteve em vantagem até perto do final.

Em Old Trafford, depois de uma primeira parte sem golos, o espanhol Juan Mata deu vantagem ao Manchester United, aos 69 minutos, mas o francês Olivier Giroud, pouco depois de ter saído do banco de suplentes, impediu o triunfo dos ‘red devils, e salvou os ‘gunners’ da derrota, aos 89.

“Perdemos dois pontos, fomos de longe a melhor equipa. Marcámos um grande golo, podíamos ter marcado mais e acabámos por sofrer na única ocasião que não conseguimos resolver. Faltou-nos a sorte que eles tiveram. Somos a equipa mais azarada da Premier League”, afirmou Mourinho à Sky Sports, no final do encontro.

Com este resultado, o Manchester United manteve-se na sexta posição, a oito pontos da liderança enquanto o Arsenal igualou provisoriamente o Chelsea no terceiro lugar, com 25.

Este empate significa também que José Mourinho continua sem perder frente ao Arsenal do francês Arsene Wenger em jogos da ‘Premier League’.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

San José busca empate com Oriente Petrolero e divide a liderança com o Bolívar

Benede supera Fucsovics e pega Raonic nas oitavas em Istambul