05/07/2017

Djokovic supera estreia e enfrenta Pavlasek na 2ª rodada em Londres

Durou pouco a estreia do sérvio Novak Djokovic em Wimbledon. Seu primeiro adversário na competição, o eslovaco Martin Klizan, aguentou apenas 40 minutos em quadra e acabou desistindo no começo do segundo set, com placar de 6/3 e 2/0, por causa de dores na perna esquerda. 

Na segunda rodada, o cabeça de chave número 2 terá pela frente o tcheco Adam Pavlasek, que saiu perdendo do norte-americano Ernesto Escobedo e depois foi buscar a virada por 3 sets a 1, com placar final de 6/7 (7-9), 6/1, 6/3 e 6/1. Será a primeira vez que os dois irão se enfrentar. 

Klizan até fez um primeiro set competitivo. Sacou bem até o oitavo game e tentou boas variedades, incluindo curtinhas. Arriscou demais no entanto no 3/4 e cedeu a quebra, que Djokovic aproveitou com ótimos saques. 

O eslovaco, que já entrou em quadra com proteção grande na perna esquerda, pediu então atendimento médico, mas o fisioterapeuta deixou claro que não havia muito o que fazer. Tentou mais três games e, sem mobilidade alguma, desistiu. 

Apesar dos apenas 11 games disputados, Djokovic conseguiu anotar sete aces, venceu 87% dos pontos com o primeiro serviço e 58% das bolas nos serviços do combalido rival eslovaco. O sérvio evitou uma derrota inédita em Wimbledon, onde nunca parou na estreia e vai seguir assim por mais um ano. 

Tricampeão na grama do All England Club, o sérvio foi surpreendido prematuramente no ano passado e caiu diante do norte-americano Sam Querrey na terceira rodada. Neste ano ele chegou ao torneio carregando o título do ATP 250 de Eastbourne, seu primeiro preparatório em sete anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

seja o primeiro a comentar

Juventus perde para a Sampdoria e vê Nápoli consolidar liderança do Italiano

A Juventus, hexampeã italiana de futebol, foi hoje derrotada por 3-2 na visita à Sampdoria, em jogo da 13.ª jornada da liga italiana, re...