Roma goleia Torino e segue à caça da líder Juventus

A Roma venceu hoje o Torino, por 4-1, para a 25.ª jornada da I Liga italiana de futebol, e manteve, no segundo lugar, a diferença de sete pontos para a líder Juventus, adversária do FC Porto na Liga dos Campeões.

O bósnio Edin Dzeko, aos 10 minutos, o egípcio Mohamed Salah, aos 17, o argentino Leandro Paredes, aos 65, e o belga Radja Naiggolan, aos 90+1, foram os marcadores dos golos da Roma. O argentino Maximiliano López, aos 84 minutos, marcou para o Torino.

A Roma, pressionada pela vitória do Nápoles, que ascendeu provisoriamente à segunda posição, com 54 pontos, não vacilou perante o Torino e passa a somar 56 pontos, menos sete do que a Juventus.

A líder e penta-campeã Juventus bateu na sexta-feira o Palermo, por 4-1, antecipando o encontro devido ao embate na quarta-feira com o FC Porto, no Estádio do Dragão, da primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões.

O Nápoles venceu por 3-1 em casa do Chievo, resolvendo a questão a seu favor ainda antes do intervalo, graças aos golos marcados por Lorenzo Insigne, aos 31 minutos, e pelo eslovaco Marek Hamsik, aos 38.

A formação napolitana aumentou a vantagem já na segunda parte, pelo polaco Piotr Zielinski, aos 58 minutos, e o Chievo ainda reduziu por Riccardo Meggiorini, aos 72, estabelecendo o resultado final em 3-1.

O Inter Milão, quarto colocado, venceu por 1-0 no estádio do Bolonha, graças ao golo solitário do brasileiro Gabriel, aos 81 minutos, num jogo em que o médio português João Mário foi totalista.

A goleada da jornada até ao momento teve um protagonista inesperado, o lanterna-vermelha Pescara, que, na estreia do treinador checo Zdenek Zeman, ‘despachou’ o Génova por 5-0, com destaque para o ‘bis’ de Caprari, mas, ainda assim, não conseguiu deixar o último lugar da competição.

Nas outras partidas disputadas hoje, Sampdória e Cagliari contentaram-se com um empate 1-1 em Génova, enquanto o Sassuolo beneficiou dos dois golos marcados por Defrel em apenas nove minutos, aos 70 e 79, para se impor por 2-1 à Udinese, que até tinha marcado primeiro, por Fofana, aos sete.

Comentários

Postagens mais visitadas