23/02/2017

Botafogo vence Olimpia nos pênaltis e vai à fase de grupos da Libertadores

Botafogo está garantido na fase de grupos da Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira, o time protagonizou uma partida emocionante em Assunção e saiu de campo classificado após bater o Olimpia nos pênaltis (3 a 1), após derrota por 1 a 0 no tempo normal.
O duelo foi decidido nas penalidades porque o primeiro jogo foi vencido pelo Fogão pelo mesmo placar. Com o gol sofrido perto do fim do segundo tempo, o time se frustrou porque um empate sem gols era o suficiente.
Por fim, a classificação foi ainda mais valorizada pelo grande desempenho do goleiro Gatito Fernandez. Ele entrou durante o segundo tempo para substituir o lesionado Helton Luiz e pegou simplesmente três pênaltis.
NA VONTADE
Estádio Defensores del Chaco lotado, pressão, adversário em cima... O Botafogo ignorou estes fatores e fez um bom primeiro tempo, com solidez defensiva e escapadas perigosas no ataque.
Aos 10 minutos, Camilo teve sobra na entrada da área e finalizou por cima. Aos 11, Rodrigo Pimpão foi lançado, a zaga travou, Bruno Silva cruzou e novamente a defesa afastou. Em outra bola, Victor Luis arriscou de longe para defesa de Azcona. João Paulo também chutou, mas por cima.
Do lado do Olimpia, embora houvesse posse de bola e ameaça de pressão, pouca criação. O maior perigo estava nos chutes de longe de Ortiz. Um Helton Leite encaixou e o outro espalmou providencialmente para o lado, aos 43.

O Botafogo perdeu no tempo normal, mas venceu nos pênaltis. (Foto: Vitor Silva / Botafogo)
O Botafogo perdeu no tempo normal, mas venceu nos pênaltis. (Foto: Vitor Silva / Botafogo)
O Botafogo ainda teve uma boa oportunidade, quando Camilo roubou a bola, Bruno Silva deu passe e Rodrigo Pimpão bateu forte, mas Azcona evitou o gol. O único ponto negativo no primeiro tempo foi que o árbitro mostrou rigor excessivo ao dar cartões para Marcelo e Carli.
MOIÔ!
Para o segundo tempo, Jair Ventura voltou com Gilson no lugar de Matheus Fernandes. O Olimpia não tardou a colocar Roque Santa Cruz. Com ele em campo, começou o jogo de cruzamentos na área. Aos 6, Ortíz de calcanhar ajudou o Botafogo ao mandar por cima, pois Riveros ficaria livre. Aos 10, Santa Cruz ganhou no alto e, após corte de Marcelo, isolou já dentro da área.
Até que, aos 15, o Botafogo teve uma baixa. Helton Leite sentiu lesão muscular e deu vez a Gatito Fernandez. O jogo ficou parado por 4 minutos.
Postado defensivamente, o Fogão ameaçou em alguns contra-ataques. Pimpão cruzou da esquerda, Gilson quase chegou antes do goleiro. Em outra jogada, lançamento longo para Pimpão, Azcona saiu bem, dividiu e evitou o gol.
Porém, a pressão era mesmo do Olimpia. Com cruzamentos para a área ou chutes de Ortíz de longe. Gatito Fernandez apareceu muito bem ao pegar uma cabeçada de Roque Santa Cruz e uma finalização de Ortíz.
GATITO
Até que a pressão do Olimpia surtiu resultado. Após troca de passes pelo meio, Montenegro finalizou sem chances para Gatito, aos 34, igualando o confronto e levou para os pênaltis.
Então, brilhou a estrela de Gatito Fernandez! O goleiro pegou três pênaltis, Camilo, Pimpão e Victor Luis converteram e o Fogão se classificou!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

seja o primeiro a comentar

PSG vence Lille e mantém folga na liderança da Ligue 1

O Paris Saint-Germain venceu hoje por 3-1 o Lille, do central português Edgar Ié, em jogo da 17.ª jornada da liga francesa de futebol, e a...